was successfully added to your cart.

6 dicas para fazer uma boa segmentação com retargeting

A inovação na segmentação dos usuários, torna possível que cada consumidor possa comprar produtos que provavelmente lhes interessem, quando precisam comprá-los, e ao mesmo tempo entregar mensagens totalmente personalizadas.

 

De acordo com a New Adlucent, os consumidores respondem principalmente á experiência de publicidade personalizada, sendo que 71% dos entrevistados preferem anúncios adaptados aos seus interesses e hábitos de compra.

 

Se considerarmos que os dados que obtivermos dos usuários segmentados  são numerosos, a campanha direcionada é necessária para garantir o sucesso. As novas tecnologias permitem personalizar ao máximo  os ‘customer journeys’ e atrair os potenciais compradores com uma oferta adaptada para suas necessidades individuais.

 

Selecionamos as 6 melhores maneiras que a RTB House propôs, um dos melhores provedores de tecnologia em retargeting, mais promissores para segmentar o público, produtos ou atividades dos usuários para dirigir uma campanha publicitária e alcançar o sucesso.

 

  1. Segmentar por ‘Categoria de produto’

A segmentação  por categoria de produto é um dos tipos de segmentação mais sólidos. Se baseia em em produtos vistos por um comprador potencial, de modo que os anunciantes podem executar campanhas criativas e únicas em segmentos menores.

 

  1. Segmentar por ‘Inscrições’

 

As atividades publicitárias também podem concentrar-se em tipos específicos de usuários, por exemplo, aqueles que ainda não se inscreveram na ‘newsletter’ de ‘e-commerce’. Com as informações coletadas através de uma tag personalizada ou compartilhada por um cliente, uma campanha de ‘retargeting’ personalizada pode identificar e informar facilmente a este grupo de “usuários não inscritos” sobre promoções especiais para usuários cadastrados.

 

  1. Segmentar por “Atividade de usuário”

 

As soluções avançadas de retargeting permitem realizar uma campanha adicional centrada nos usuários, por exemplo, que não tenha visitado o website da loja durante um longo tempo (por exemplo, 14 ou 30 dias ), ou aqueles que compraram uma TV nos últimos três meses. Esses tipos de táticas ajudam a construir uma consciência de marca, manter um relacionamento de longo prazo e manter os olhos em potenciais compradores. Ao mostrar mensagens de agradecimento nos anúncios, descontos exclusivos ou lembrete sobre próximos períodos de descontos, os gerentes de campanhas avançadas, podem planejar estratégias de longo prazo para manter a sua marca na linha de frente.

 

  1. Segmentar por ‘Índice de Compra’

 

As campanhas também podem segmentar-se pelo índice de compra ou pelo número de ofertas visualizadas pelos visitantes, compradores e não compradores. Os comerciantes podem executar as campanhas separadas com diferentes mensagens e criações dedicadas entre usuários que compram com frequência e aqueles que raramente ou nunca compram na web site da loja.

 

  1. Segmentar por ‘Valor do Produto’

 

Se o objetivo for aumentar as vendas de produtos de alto valor ou alto preço, você pode otimizar o retargeting personalizado também para estoques específicos. Nesses casos, os algoritmos de “Deep Learning” escolherão itens que serão exibidos no mesmo ranking de preços dos produtos já verificados pelo usuário.

 

  1. Segmentar por ‘Dispositivo’

 

Agora os comerciantes podem segmentar os consumidores de acordo com seu dispositivo de navegação: Computador, celular, TV ou qualquer outro dispositivo usado para procurar um produto online. As campanhas publicitárias em diferentes plataformas permitem que os comerciantes realizem campanhas entre dispositivos, orientar as pessoas sobre o movimento e aproveitar não só o momento de suas ofertas, mas também as telas que provavelmente serão utilizadas.

Leave a Reply

Conheça nosso ChatBot